[ editar artigo]

Panorama do Mercado Financeiro - 22 de Janeiro de 2021

Panorama do Mercado Financeiro - 22 de Janeiro de 2021

Bom dia!

O Ibovespa fechou em queda pelo terceiro dia consecutivo. O principal motivo da queda de hoje é a série de comentários dos favoritos à presidência da Câmara a favor da prorrogação do auxílio emergencial, que trará grande aperto fiscal às contas públicas. Além disso, o pessimismo com relação à logística das vacinas contra o coronavírus pesa no sentimento dos investidores, gerando forte insegurança no mercado. O Ibovespa fechou com queda de 1,10%, a 118.328 pontos. 
O dólar fechou o pregão em alta, com as incertezas fiscais rondando os investidores. A eventual extensão do auxílio emergencial sem uma compensação de recursos de outras fontes fará os gastos públicos aumentarem, gerando uma forte pressão na economia brasileira e corrida para proteção na divisa norte-americana. O dólar fechou com alta de  1,10%, vendido a R$5,35.
As bolsas americanas fecharam o pregão mais um dia em suas máximas históricas, após a divulgação de um plano de estímulo do presidente Joe Biden. Apesar disso, o número crescente de casos de coronavírus nos Estados Unidos gera preocupação nos investidores, que estão com o alerta ligado. O índice S&P 500 fechou com alta de 0,03%.
Os mercados europeus fecharam em queda no dia de ontem, com alguns indicadores europeus pesando para a realização. A divulgação de alguns índices de produção industrial veio abaixo do esperado, o que fez com que os investidores aproveitassem para realizar seus lucros, gerando a queda das bolsas. Destaque para a bolsa de Madrid, que fechou com queda de 1%.
No calendário econômico brasileiro de hoje, não temos notícias relevantes, porém a chegada do carregamento das vacinas contra o coronavírus, vindas da Índia, pode fazer preço e animar o mercado brasileiro. Nos Estados Unidos, a divulgação de índices de produção industrial e os estoques de petróleo são as principais notícias do dia. Na Europa, sem notícias relevantes.
Agora pela manhã, o índice futuro S&P opera com queda de 0,76%, motivado por realização de lucro por parte dos investidores. Na Europa, os mercados também operam no campo negativo. Destaque negativo para a bolsa alemã, com queda de 0,99%.

Investy Academy
Ler conteúdo completo
Indicados para você