[ editar artigo]

Panorama do Mercado Financeiro - 1º de Fevereiro de 2021

Panorama do Mercado Financeiro - 1º de Fevereiro de 2021

Bom dia!

 

O mercado brasileiro se alinhou ao mercado americano no pregão dessa sexta-feira (29) e fechou em forte queda. O efeito "short squeeze" e os problemas fiscais do país afetaram diretamente o índice e as ações brasileiras. A notícia da greve dos caminhoneiros (mesmo que parcial), marcada para essa segunda-feira, tem potencial para atrapalhar e gerar pessimismo no mercado. Além disso, a ausência de Paulo Guedes no Fórum Econômico Mundial pegou muito mal com os investidores. O Ibovespa fechou com forte queda de 3,21%, a 115.067 pontos.

O dólar teve mais um dia de alta, descolando das demais moedas emergentes. Enquanto as moedas emergentes se valorizam perante a divisa norte-americana, o real continua a perder valor, com os inúmeros perigos fiscais que rodeiam a economia brasileira. Com isso, os investidores correm para o dólar como forma de proteção. O dólar fechou com alta de 0,71%, vendido a R$ 5,4745.

No mercado americano, o efeito short squeeze continua a tumultuar os mercados. O temor de um impacto sistêmico em toda a bolsa por conta das recentes ações coordenadas em alguns papéis, nas redes sociais, gera forte incerteza nos mercados. As posições vendidas de diversos hedges funds podem sofrer fortes quebras, gerando muita volatilidade e quedas altas. O medo das ações coordenadas em mais papeis ajudou as bolsas a caírem. O índice S&P 500 fechou com queda de 1,93%.

As bolsas europeias também fecharam em queda, acompanhando o sentimento global com o short squeeze gerando forte preocupação no mundo. A preocupação com o aumento do número de casos de coronavírus também atrapalha a retomada da economia, que parece agora entrar numa tendência de baixa mais acentuada. Destaque para a bolsa alemã, com queda de 1,71%.

No calendário econômico de hoje, temos a divulgação do Boletim Focus como principal notícia no Brasil. Nos Estados Unidos, a divulgação do índice de produção industrial do mês de janeiro é o principal evento da agenda. Na zona do Euro, a divulgação do índice de produção industrial alemão e espanhol e da taxa de desemprego da Zona do Euro são as principais notícias do dia.

Agora pela manhã, o índice futuro S&P 500 opera com forte alta, começando a semana em recuperação das perdas. O índice S&P 500 futuro opera com alta de 1,19%. Na Europa, o movimento de alta também se apresenta em todas as bolsas. Destaque para a bolsa de Frankfurt que opera com lata de 1,52%.

Investy Academy
Ler conteúdo completo
Indicados para você