[ editar artigo]

Panorama do Mercado Financeiro - 17 de Maio de 2021

Panorama do Mercado Financeiro - 17 de Maio de 2021

Bom dia!

O Ibovespa fechou em alta o pregão de sexta-feira, empolgado com os ganhos da Petrobras após a divulgação do balanço trimestral extremamente positivo da empresa. Em seu balanço, a estatal mostra que pretende continuar as premissas da gestão anterior e manter uma visão de estabilidade da empresa no longo prazo. O balanço foi tão bem-visto pelo mercado que a empresas subiu 5% na sexta-feira. Além disso, o bom humor do mercado americano ajudou o índice brasileiro a fechar no positivo. O Ibovespa fechou a sexta-feira em alta de 0,9%, a 121.791 pontos. Apesar da alta, o índice não conseguiu fechar a semana no positivo e registrou queda de 0,2% no acumulado semanal.

O dólar fechou a sexta-feira em queda, com o alívio da pressão sobre a divisa norte-americana dando os rumos do câmbio no dia. As últimas sessões foram muito pressionadas pelo medo do aumento da inflação nos Estados Unidos e o pregão de sexta-feira trouxe uma redução nas preocupação, porém ela continua no radar dos investidores. Na sexta-feira, o Fed garantiu que só irá elevar a taxa de juros nos Estados Unidos se a inflação estiver acima da meta por um longo período contínuo ou vir muito acima do esperado. Com isso, o dólar fechou vendido a R$ 5,2720, uma queda de 0,78%. Após seis semanas de queda, o dólar fechou a semana em alta de 0,85%.

O mercado americano fechou o dia em forte alta, com os sinais de recuperação da economia norte-americana dando sendo os principais destaques do dia. A queda da preocupação com o processo inflacionário americano após o discurso do Fed de que só irá aumentar a taxa de juros se a inflação estiver acima da meta por tempo considerável ou vier extremamente alta fez com que os investidores voltassem às compras contribuíssem para a alta generalizada dos mercados. Com isso, o índice Dow Jones fechou com alta de 1,06%, o S&P 500 ganhou 1,49% e o índice Nasdaq registrou alta de 2,32%.

Na Europa, as bolsas acompanharam o bom humor de Wall Street e fecharam em alta a sexta-feira. Após o anúncio do Fed sobre a taxa de juros, o mercado europeu tomou a tendência de alta e foi às compras, com destaque para os setores de energia e de varejo. Além disso, a tranquilidade aparente do continente europeu e a retomada de economia europeia também anima os investidores. Com isso, o índice de Madrid fechou com alta de 2,00%, Lisboa subiu 1,62%, Paris teve alta de 1,54%, Frankfurt ganhou 1,43%, Londres registrou alta de 1,15% e Milão valorizou 1,14%.

No calendário econômico desta segunda-feira, temos a divulgação do Boletim Focus como a principal notícia no país, com as projeções do mercado para a economia brasileira. Nos Estados Unidos, uma série de discursos de membros do Fed marca o dia. Na Zona do Euro, não temos notícias relevantes para hoje.

Agora pela manhã, os mercados futuros americanos operam em queda. O índice futuro do S&P 500 registra queda de 0,38%. Os mercados europeus operam em queda, acompanhando os futuros de Nova York. A bolsa de Londres registra queda de 0,66%, Frankfurt cai 0,33% e Madrid desvaloriza 0,24%.

Investy Academy
Ler conteúdo completo
Indicados para você